Doenças Autoadquiridas - Colesterol

Em 23 de Outubro de 2017 às 14:36
Doenças Autoadquiridas - Colesterol

O colesterol é uma das principais causas das doenças  coronárias. Cerca de 40% dos brasileiros têm colesterol alto. Entre os jovens, de 12 a 17 anos, a taxa é de 20%.

O que é colesterol?

É um tipo de gordura produzida em nosso organismo que tem o papel vital de manter as células funcionando, de produzir hormônios e vitamina D. Entretanto, o excesso de colesterol no sangue pode aumentar o risco de doenças do coração.

Tipos de colesterol

Para circular pelo corpo, o colesterol se associa a proteínas, dando origem às lipoproteínas. Existem dois tipos de lipoproteínas, o HDL (high density, ou alta densidade) e o LDL (low density, ou baixa densidade).

HDL o colesterol bom
Faz bem para o coração. Carrega o colesterol das suas artérias para o seu fígado.

LDL o colesterol ruim
Faz mal ao coração. Carrega o colesterol do fígado para os tecidos e pode se acumular nas artérias.

Níveis saudáveis*

A V Diretriz Brasileira de Dislipidemias e Prevenção da Aterosclerose, da Sociedade Brasileira de Cardiologia, recomenda:
LDL: abaixo de 160 mg/dl (Desejável: entre 100-129 mg/dl)
HDL: maior que 60 mg/dl Colesterol total: inferior a 240 mg/dl (Desejável: menor que 200 mg/dl)

Fontes de colesterol

O colesterol está presente apenas nos alimentos de origem animal, que são ricos em gorduras do tipo saturada. Alimentos de origem vegetal não contêm colesterol.

Gordura BOA

  • Azeite de oliva
  • Óleo de canola
  • Abacate
  • Nozes
  • Linhaça
  • Sardinha
  • Salmão

Gordura RUIM

  • Aves com pele
  • Queijos amarelos
  • Embutidos
  • Maionese
  • Leite
  • Carne vermelha
  • Frituras

Outras causas

O consumo de gordura saturada é a principal causa do colesterol elevado. No entanto, outros fatores podem influenciar nos níveis de colesterol no sangue.

  • Cigarro
  • Bebidas alcóolicas
  • Idade
  • Diabetes
  • Etnia
  • Condições hereditárias*

Possíveis complicações

O colesterol alto é um fator de risco para doenças cardiovasculares. O LDL
elevado pode acarretar a aterosclerose, um acúmulo de gordura nas paredes das artérias que dificulta a passagem do sangue e a irrigação do coração.

Tratamento

A medicação para controle do colesterol deve ser combinada com
mudança no estilo de vida. Uma dieta variada, com pouca gordura de origem animal e exercícios físicos regulares são fundamentais.

ATENÇÃO: PESSOAS COM DIAGNÓSTICO DE HIPERCOLETEROLEMIA FAMILIAR - COLESTEROL ALTO DE ORIGEM HEREDITÁRIA - DEVEM, OBRIGATORIAMENTE, TRATAR O PROBLEMA COM MEDICAMENTOS.


Fonte: Instituto Lado a Lado
Centrocardio 2017 © Todos os direitos reservados
Desenvolvido por