Doença Aterosclerótica

Em 11 de Fevereiro de 2020 às 15:01
Doença Aterosclerótica

O que é?
A aterosclerose é uma doença que ocorre através do estreitamento das artérias, reduzindo o fluxo sanguíneo, dos órgãos vitais como o coração, o cérebro, os intestinos, os braços e as pernas. Na aterosclerose, as artérias são estreitadas porque ocorre depósitos de gordura denominados placas que se acumulam no seu interior. Nestas placas encontram-se o colesterol constituído por lipoproteínas de baixa densidade (LDL), células musculares lisas, tecido fibroso e, em algumas vezes encontram-se cálcio. Quando essa placa cresce, ao longo da artéria, é produzido uma área rugosa na parte lisa, formando coagulo de sangue dentro da artéria, bloqueando o fluxo e levando a graves complicações de saúde, como derrame e ataque cardíaco (infarto).

Sintomas e exames
As dores podem variar de acordo com o local em que acontece o estreitamento das artérias. Dor ou desconforto no peito, quando o coração não está recebendo sangue ou oxigênio suficiente, falta de ar, e fadiga quando é realizado o esforço físico são sintomas da doença. Dores nas pernas ao caminhar que melhoram com o repouso, queda de pelos nas pernas, pele fria e palidez nos dedos podem indicar comprometimento das artérias que irrigam estes locais.

Principais Causas
As principais causas da aterosclerose estão relacionadas ao acúmulo de gordura no interior das artérias devido à má alimentação, rica em gordura e pobre em vegetais, o sedentarismo, o hábito de fumar, diabetes, hipertensão arterial e colesterol aumentado.

Tratamento e cuidados após o diagnóstico
O tratamento para aterosclerose consiste em evitar o crescimento das placas de colesterol e melhorar os sintomas. Poderá ser realizado através da mudança de estilo de vida, prática de exercícios físicos, controle na alimentação e o uso de medicamentos específicos. Em casos mais graves, o médico poderá indicar uma cirurgia de desobstrução dos vasos sanguíneos, que poderá ser feito por cateterismo e angioplastia ou por cirurgia convencional. (cateterismo e angioplastia)

Complicações
As complicações decorrentes da aterosclerose são: Infarto do miocárdio, infarto cerebral, aneurisma da aorta, doença vascular periférica, encefalopatia isquêmica e até morte súbita.


Fonte: Portal Prevenção - SBC
Centrocardio 2020 © Todos os direitos reservados
Desenvolvido por